sábado, 12 de dezembro de 2009

A todo mundo...


Vicente Tai-Chi, Tiana, Fernando Pedro,

Clarisse, Rafael e Ana,

Paulo, Helder, Fernanda Martins,

João, Del e Bel,

Sr. Orlando, Bella, Papito,

João Paulo, Henrique e Emídio,

Eric, João Pedro, Luiz Felipe,

Sofia, Camila, Paulo de Tarso,

Maggy, Valéria e Élida,

Daniel, Lucas Parma e Bernardo...

Gabriel, Fernando e Lívia,

E o vento, as estrelas, as flores,

Pessoas e palavras,

Carlos Drummond e Garcia Lorca,

Vontades e fomes,

Neruda e Gardel,

Nomes esquecidos, faces presentes...

Memória, em todo sentido.

Obrigado a todo mundo que conhecemos.

A todo mundo que virá...




“Ê vida, vida, que amor brincadeira à vera


Eles se amaram de qualquer maneira, à vera

Qualquer maneira de amor vale a pena

Qualquer maneira de amor vale amar

Pena, que pena, que coisa bonita, diga

Qual a palavra que nunca foi dita, diga

Qualquer maneira de amor vale aquela

Amar a pena valerá...”


CODA: Paula e Bebeto – Milton Nascimento e Fernando Brant



Ouça:

Nenhum comentário:

Postar um comentário