quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Momento James Joyce


12 de julho de 1904


Minha querida Goodiezinha dos Sapatos Marrons. Esqueci-me – não posso ir a teu encontro amanhã (quarta-feira) mas irei na quinta à mesma hora. Espero que ponhas minha carta na cama como convém. Tua luva passou toda a noite ao meu lado – desabotoada – mas quanto ao mais comportou-se muito bem – como Nora. É favor deixar de lado aquela couraça, pois não gosto de abraçar uma caixa de correio. Está me ouvindo agora? (Ela está começando a rir). Meu coração – como dizes – sim – é bem assim.
Um beijo de vinte e cinco minutos no teu pescoço.
AUJEI

p.s: James Joyce a Nora Barnacle

Nenhum comentário:

Postar um comentário