quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Drummond pra Wolf:


ARTE POÉTICA

“Uma breve uma longa, uma longa uma breve


Uma longa duas breves


Duas longas


Duas breves entre duas longas


E tudo mais é sentimento ou fingimento


Levado pelo pé, abridor de aventura,


Conforme a cor da vida no papel.”


Carlos Drummond de Andrade, in A Paixão Medida, José Olympio, RJ, 1980.

Nenhum comentário:

Postar um comentário