domingo, 2 de outubro de 2011

Celebrando o Anjo da Guarda: para o Felipe

 

Segundo a Igreja Católica, na hierarquia dos anjos existem três arcanjos: 

GABRIEL: Seu nome significa: "Homem de Deus". É o Arcanjo da Esperança, da Anunciação, da Revelação, sendo comumente associado a uma trombeta - é a Voz de Deus, o transmissor das boas novas. é citado várias vezes na Bíblia Sagrada. A  Gabriel coube anunciar a encarnação do Filho de Deus. Por isso é muito venerado desde a antigüidade. O termo de apresentação quando apareceu a Zacarias para anunciar-lhe que ia ter por filho João Batista foi este: "Eu sou Gabriel, o que está na presença de Deus" (Luc. 1, 19).São Lucas disse: "Foi enviado por Deus o anjo Gabriel a uma cidade da Galiléia, a uma virgem chamada Maria, e chegando junto a ela, disse-lhe: "Salve Maria, cheia de graça, o Senhor está contigo". Ela ficou confusa, mas disse-lhe o anjo: "Não tenhas medo, Maria, porque estais na graça do Senhor. Conceberás um filho a quem porás o nome de Jesus. Ele será filho do Altíssimo e seu Reino não terá fim". Segundo a tradição, Gabriel e seus anjos são os mensageiros das boas notícias, nos ajudam a dar bom rumo e direção à nossa vida, nos dão compreensão e sabedoria. É a ele que recorremos quando necessitamos desses dons.

MIGUEL: seu  nome significa "o que é um com Deus", é considerado o chefe dos exércitos celestiais e o padroeiro da Igreja Católica Universal. É o anjo do arrependimento e da justiça. Seu nome é citado três vezes na Bíblia Sagrada: Primeiro no capítulo 12 do livro de Daniel; no capítulo 12 do Livro do Apocalipse e na carta de São Judas, lê-se: "O Arcanjo Miguel, quando enfrentou o diabo, disse: "Que o Senhor o condene". Por isso São Miguel é mostrado atacando o dragão infernal.


RAFAEL: Seu nome significa "Deus te cura" e, por isso, é o guardião da saúde. Ele age principalmente nas instituições sociais, nos hospitais e até mesmo em casas que estejam precisando de sua ajuda. Na Bíblia Sagrada, o Arcanjo Rafael é citado no Livro de Tobias, que faz parte do Antigo Testamento. Foi o Arcanjo enviado por Deus para curar a cegueira de Tobias e acompanhá-lo numa longa e perigosa viagem para conseguir uma esposa. Rafael, junto a Miguel e Gabriel simbolizam a fidelidade, o poder e a glória dos anjos.

Arcanjos existem nas três tradições religiosas monoteístas ocidentais ( judaísmo, cristianismo e o islamismo). A igreja católica romana os celebra no dia 29 de setembro (Miguel, anteriormente, em 24 de março). Os arcanjos cujos nomes são mencionados na literatura do Islã são Gabriel, Miguel, Rafael e Azrael. Outras tradições identificam um grupo de Sete Arcanjos, cujos nomes variam, dependendo da orientação religiosa. De qualquer maneira são entes poderosos na hierarquia daquela religião, e presidem funções diversas no mundo celestial. Uriel é o nome de um arcanjo que aparece associado a Rafael; para outros estudiosos, são sete os arcanjos, associando-os aos  ‘Sagrados Cavaleiros do Apocalipse’, ou aos ‘Sete Selos’. As igrejas cristãs de diversas denominações dão diferentes orientações sobre a relação com os anjos; percebe-se uma prevalência da reverência a Miguel, algumas vezes idenficado com o próprio Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário