terça-feira, 27 de março de 2012

GRUPO DE ESTUDOS: esquentando... (e lembrando: recomeçamos dia 14 de abril)

 AQUI BATE UM CORAÇÃO


“Diante disso, não nos resta outra saída senão pensar para além do sujeito, ou seja, nas palavras de Agamben, pensar uma singularidade qualquer (um quodlibet, uma forma-de-vida, uma relação de amizade). Do sujeito vacilante, espectral, deve emergir então um gesto; no entanto, o gesto, a ação a que se reduz esse sujeito é uma suspensão, o réten, a reserva, que em todas as matérias é uma grande regra de viver com êxito.” (...)

In O que é o contemporâneo? E outros ensaios, Giorgio Agamben, Argos - editora da Unochapecó, 2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário