terça-feira, 13 de novembro de 2012

AUTORETRATO 1001

Saudade de Itamar Assumpção. Autoconsolação. Homenagem e lembrança do ótimo Cinco a Seco, a usufruir. Auto-estímulo. Auto-análise. No mais, ainda, no entanto... indo. Feliz da vida vindo.

Vida de artista

Itamar Assumpção

Na vida sou passageiro
E também motorista
Fui trocador motorneiro
Antes de ascensorista
Tenho dom pra costureiro
Para datiloscopista
Com queda pra macumbeiro
Talento pra adventista
Agora sou mensageiro
Além de paraquedista
Às vezes mezzo engenheiro
Mezzo psicanalista
Trejeito de batuqueiro
A veia de repentista
Já fui peão boiadeiro
Fui até tropicalista
Outrora fui bom goleiro
Hoje sou equilibrista
De dia sou cozinheiro
À noite sou massagista
Sou galo no meu terreiro
Nos outros abaixo a crista
Me calo feito mineiro
No mais vida de artista...
p.s: 2001ª postagem. Peço para alguém me ensinar a falar esse número. Gracias.

Nenhum comentário:

Postar um comentário