terça-feira, 22 de janeiro de 2013

SÉRIE BITS: LITERATURA BRASILEIRA


“O desconhecido chegara durante a noite e vinha de longe, ao que parecia. Estava descansando da jornada,quando o burburinho das vozes, e as risadas que soltavam os andantes, o despertaram. Excitado da curiosidade, pôs-se a contemplar a cena do terreiro, que ele via perfeitamente daquela posição elevada. Fora longa e renhida a luta dos peões com o animal, antes que lhe deitassem a mão. Em se adiantando algum mais afoito, a égua juntava e de um salto espantoso se arremessava longe, disparando aos ares o coice terrível e encrespando o pescoço para morder.

Conheceram afinal que era impossível levar sua avante pelos meios ordinários. Foi então laçado o animal pela garupa em um dos corcovos, e jungido, ou antes, enrolado ao moirão. Preso assim da cabeça e dos quadris, ficou tolhido de todo o movimento; mas um tremor convulsivo percorria-lhe o corpo, e a polpa da narina trepidava com as baforadas do hálito ardente, que se coalhavam na fria temperatura da manhã como flocos de fumaça.”

Fragmento de O gaúcho, José de Alencar, Obra Completa, 1972, Direção Editorial Ciro Pontes, RJ.

Nenhum comentário:

Postar um comentário