quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

SÉRIE BITS: LITERATURA BRASILEIRA

“Escolhendo, como sempre, as palavras, Salomão disse que já estava de posse de um parecer sobre o relato que eu escrevera. Minhas qualidades de estilista eram ali reconhecidas, mas o mesmo não se poderia dizer quanto à narrativa propriamente dita, que encerrava algumas distorções. Considerando a importância do livro que estava sendo preparado, diretrizes teriam de ser adotadas, para evitar  o que chamou, eufemisticamente, de acidentes de percurso. Daí em diante eu teria de me restringir unicamente à redação do texto. O conteúdo seria fornecido pelos anciãos, que também teriam poder de veto sobre tudo o que  eu escrevesse. Enquanto falava, eu mirava o velho safado. Ele procurava manter um ar neutro, distante, mas estava evidentemente deliciado com as palavras do rei.” 

Fragmento de A mulher que escreveu a Bíblia, Moacyr Scliar, Companhia das Letras, SP, 2002

Nenhum comentário:

Postar um comentário