sábado, 16 de fevereiro de 2013

SÉRIE BITS: POESIA BRASILEIRA

 http://www.nasavassi.com.br/wp-content/uploads/2013/01/adelia.jpg
CASAMENTO

Adélia Prado

Há mulheres que dizem:

Meu marido, se quiser pescar, pesque,

Mas que limpe os peixes.

Eu não. A qualquer hora da noite me levanto,

Ajudo a escamar, abrir, retalhar e salgar.

É tão bom, só a gente sozinhos na cozinha,

De vez em quando os cotovelos se esbarram,

Ele fala coisas como ‘este foi difícil’

‘prateou no ar dando rabanadas’

E faz o gesto com a mão.

o silêncio de quando nos vimos a primeira vez

atravessa a cozinha como um rio profundo.

por fim, os peixes na travessa,

vamos dormir.

coisas prateadas espocam:

somos noivo e noiva.

In Os cem melhores poemas brasileiros do século, seleção: Ítalo Moriconi, Objetiva, SP, 2001
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário