terça-feira, 19 de março de 2013

CENTENÁRIO DE VINICIUS DE MORAES 3

A criação na poesia

(Ideal)
(fragmento)
O poeta parte no eterno renovamento.
Mas seu destino é fugir sempre ao homem que ele traz em si.


O poeta:
Eu sonho a poesia dos gestos fisionômicos de um anjo!
....................................................................................



 
 Forma e exegese foi publicado em 1935 no Rio de Janeiro. Foi dedicado a Jean-Arthur Rimbaud e Jacques Rivière.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Hilda, a mulher de coragem

Hoje, terça feira, 10 de abril: LETRA EM CENA A professora Eliane Robert de Moraes analisa a obra de Hilda Hilst. Nesta terça-feira (10)...