quinta-feira, 19 de setembro de 2013

CENTENÁRIO DE VINICIUS DE MORAES 9

Epitáfio


Aqui jaz o Sol
Que criou a aurora
E deu a luz ao dia
E apascentou a tarde

O mágico pastor
De mãos luminosas
Que fecundou as rosas
E as despetalou.

Aqui jaz o Sol
O andrógino meigo
E violento, que

Possuiu a forma
De todas as mulheres
E morreu no mar.
  
 (Oxford, 1939.)
 
‘Poemas esparsos’ é uma seleção de poemas inéditos, publicado postumamente, que percorre a produção de Vinicius desde os anos 30 até os anos 70. Faz parte do livro um ensaio sobre sua poesia assinado por Ferreira Gullar, crônicas de Fernando Sabino e Carlos Drummond de Andrade e um depoimento de Caetano Veloso.
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário