segunda-feira, 23 de setembro de 2013

Para ELIANE BRUM:

Não será o deslocamento que fará com que a percamos de vista. Nós gostamos e precisamos de você. Nesse tempo, junto com você, sustentamos nosso sentido para a vida e confirmamos o rumo. Até ali... logo mais, então...

http://epoca.globo.com/colunas-e-blogs/eliane-brum/noticia/2013/09/tres-historias-reais-e-uma-despedida.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário

NO FUNDO NÃO HAVIA ÁGUA ou ENTRE O SUJEITO E A COISA

( nota prévia: esse é o primeiro conto do livro INCONTÁVEIS,  de que publicamos o prefácio antes. Como dissemos é um livro denúncia. Denú...