sábado, 15 de março de 2014

UMA SUGESTÃO:

Livro - A Gata do Rio Nilo 


“A distância o livrava das inconveniências do Centro onde se espremiam vielas sombrias e sujos becos tortuosos, cheios de casas amontoadas, que abrigavam uma população degradada pela pobreza ostensiva. Lá, até os quarteirões da burguesia abastada já mostravam alarmantes sinais de uma modernidade desconfortável com o barulho do vaivém dos coches e das seges , e o bulício do comércio desordenado. Seus moradores padeciam com as mazelas resultantes do progresso e viam-se obrigados a conviver com os estranhos costumes estrangeiros, que, pouco a pouco,matavam as gentis maneiras da terra.”

In A gata do rio Nilo, Lia Neiva, Editora Globo, SP, 2011

O livro trás a interessante experiência de capítulos em estilos literários diferentes, numa história que se desenrola caprichosamente do barroco brasileiro ao pós-modernismo do século XXI. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário